Fenótipo Português

[PT|EN]

O fenótipo de uma pessoa, ou grupo de pessoas, é a composição física e as suas características resultantes da interacção do seu genotipo com o meio em que este se encontra.

Este blogue tem em conta a interpretação física e analogica da população étnica de Portugal. Assim sendo, a descrição material dos Portugueses enquanto grupo étnico de Portugal.
Desta forma, e respeitando uma estrutura de afinidade, figuras públicas nacionais pertencentes ao continente e ilhas, foram eleitas em colchete de forma a determinar o fenótipo típico de um Português.

Este segmento exibiu uma fixação entre individuos, que veio a designar um feixe de juncção entre Portugueses.




Fenótipo

Por assim dizer, a população étnica Portuguesa é reletivamente homogénea, de Norte a Sul e Ilhas.
Pequenos fragmentos, e de pouca importância, mostram alguma heterogenidade geográfica.[4][8][9]

O fenótipo de um Português é mais propriamente dito: Atlântico e Mediterrânico.
Partilhando grandes afinidades com Espanha, de parentesco com os Galegos do noroeste da Penísula Ibérica.[3][11][17][18]

"Enfim, a própria Antropologia cultural ante-histórica reconhece a existência dum foco atlântico, português ou galaico-português, de cultura nos tempos pré históricos, foco independente do mundo mediterrâneo, original, criador, expansivo, reconhecível, por exemplo, na civilização megalítica portuguesa, e ao qual proventura está ligada á aparição dos mais remotos espécimes duma das mais antigas escritas, a escrita a que chamei proto-ibérica."
- Professor, A. Mendes Corrêa, António

A fisionomia é uniformemente regular e simétrica.

O crânio, apesar de oval, apresenta uma falia rectangular para os homens e tringular para as mulheres.
As maçãs do rosto são proeminentes e a cara é longa, com olhos profundos de encaixe erguido.
O nariz é relativamente estreito. Os lábios superiores são finos e pequenos, virados para o exterior, e de igual modo aos lábios inferiores.
A boca é um tanto assim fina, e os maxilares não projectam.[10]
Concluíndo deste modo que a população exibe um Índice cefálico métricamente Dolico-Mesaticéfalo.[5][6][11][14]

A expressão facial masculina pode ser caracterizada como temperada e modesta, e a feminina como suave, delicada e amável.

Pigmentação

Cabelo Castanho em tons Cláros, Médios e Escuros, e Olhos Castanhos e Aveleiros predominam na maioria da população.
Estas sombras da côr do Cabelo e Olhos é sólida, sendo calculada entre 70 - 80% da população Portuguesa.[1]
•Ver Exemplos de Morenos•

Cabelo Loiro de tonalidade Clara e Suja, e Olhos Azuis e Esverdeados tabém é registado com alguma frequência.
Esta matiz constitui entre 17 - 20% da população Portuguesa, com aproximadamente ±15% Loiro Claro e restantes Loiro Acinzentado.[1][16]
•Ver Exemplos de Loiros•

Cabelo Ruivo é minoritariamente observado, mas notado com alguma ocasião já o Castanhado-Avermelhado.
Este padrão de penuagem apenas consiste em 1 - 3% da população Portuguesa, aumentando para 4 - 5% respectivamente.[1]
•Ver Exemplos de Ruivos•

A pigmentação da pele da população Portuguesa varia de Rosa para Pálida e Trigueira.
No entanto, é no Norte onde se verifica uma percentagem de pessoas mais claras seguindo-se para o Centro e Sul, dada á selecção natural - a Irradiação Solar.[2][16][21]

As intercaladas figuras abaixo demonstram uma aparência semelhante e compacta a percorrer pelo país, entre Adultos, Idosos e Jovens.

Portugal Continental (República Portuguesa) - Portugueses
-----Fenótipo Masculino-----


-----Fenótipo Feminino-----


Portugal Insular (Arquipélago da Madeira) - Madeirenses
-----Fenótipo Masculino e Feminino-----
 
 

Portugal Insular (Arquipélago dos Açores) - Açorianos
-----Fenótipo Masculino e Feminino-----
 
 

Estatura
-----Busto & Membros-----
Deduzindo a altura do busto e colidindo o comprimento do corpo de ambos os sexos. Os dois gêneros apresentam um dimorfismo sexual equilibrado.
Os indivíduos do sexo Feminino indicam um busto e membros inferiores proporcionalmente mais compridos do que os do sexo Masculino.
Já os individuos do sexo Masculino apontam para uma alongada massa na região abdominal do corpo.

As diferenças sexuais medianas dão-nos um valor estático, após ultrapassar o seu desvio padrão estrutural entre os dois sexos.
Assim, as mulheres inferem um pescoço e pernas mais compridas e os homens um torso mais prolongado.[7]

Uma Estatura ossal de escala média e um organismo uniforme reflectem a população total.
O Índice esquelético dos Portugueses é conforme e melhor caracterizado como Mesoesquélico.[7]


-----Adultos-----
Ulteriormente á adolescência, Adultos de idades compreendidas entre os 22 e 50 anos, revelam uma altura média de 1,74  - 1,80 Metros para o sexo masculino, e 1,62 - 170 metros para o sexo feminino.[12][14][19]
A massa corporal faz então um predicamento de 69Kg a 80Kg para os homens e 56Kg a 59Kg para as mulheres.[20]

 
 

-----Jovens e Idosos-----
Já os Jovens no processo de crescimento para a vida adulta, de idades conpreendidas entre 13 e 17 anos, tanto masculinos como femininos fazem contraste aos idosos de geração anterior. Os individuos do sexo masculino de 1,60 - 1,70 metros, e feminino de 1,50 - 1,60 metros, respectivamente.[12][15]
Condicionado por factores ambientais, gerações prévias têm vindo a crescer 1 centímetro a cada uma decada, circunscrito a uma alimentação e dieta Portuguesa.[12]

***Referências***

- "Cor (A) do Cabêlo e dos Olhos nos Estudantes das Escolas Primárias Portuguesas" (1909/10-1915) de Ph.D. Tamagnini, Eusébio Barbosa - Universidade de Coimbra [1]
-"A Pigmentação dos Portugueses" (1916/1936) de Ph.D. Tamagnini, Eusébio Barbosa - Universidade de Coimbra [2]
"Antropologia da Beira Alta" (1917) de Ph.D. Corrêa, António A. Mendes - ("O Instituto", vol LXIV, nº 6) Imprensa da Universidade de Coimbra [3]
- "As Origens dos Portugueses" (1919) de Ph.D. Corrêa, António A. Mendes - Universidade do Porto, Faculty of Sciences [4]
- "Notas de Camptometria nos Crânios Portugueses" (1926) de da Cunha, António João - Porto: Tipografia Progresso [5]
- Centro de Estudos Demográficos do Instituto Nacional de Estatística (1931) de Ph.D. de Pina, Luís - Universidade do Porto [6]
- "Sobre alguns Caracteres Antropométricos da População Portuguesa" (1933) de Ph.D. Themido, António Armando [7]
 - "Etnografia Portuguesa" (1936) de de Ph.D. de Vasconcelos, José Leite - National Museum of Archaeology [8]
- "Raízes de Portugal" (1944) de Ph.D. Corrêa, António A. Mendes - Universidade do Porto, Faculty of Sciences [9]
- "A Winter in the Azores: And a Summer at the Baths of the Furnas"  (1841) de Bullar, Joseph & Henry bros. [10]
- "A propósito do Índice Cefálico dos Portugueses" (1954) de Ph.D. Tamagnini, Eusébio Barbosa - Universidade de Coimbra [11]
- "Human Growth and Development" (2000) de Padez, Cristina - Universidade de Coimbra [12]
"Etnografias Portuguesas (1870 - 1979): Cultura Popular e Identidade Nacional" (2000) de Leal, João - Universidade Nova de Lisboa [13]
"A Necrópole Visigótica do Poço de Silves" (2002) de Varela Gomes, Mário - Revista Portuguesa de Arqueologia. volume 5 [14]
- Eurobarómetro, TNS Euroteste (2005) [15]
- "Evolution and Human Behaviour" (2006) de Ph.D. Frost, Peter - Université Laval & St. Andrews University [16]
"The Genetic Map of Europe" (2008) de Dr. Keyser, Manfred & Dr. Lao, Oscar et al. - Erasmus Universiteit Rotterdam, Nederland @ Current Biology [17]
- "Genes mirror geography within Europe" (2008) de Ph.D. Novembre, John et al. - University of California, Los Angeles [18]
- "Avaliação Antropométrica das Tunas Académicas da Universidade Fernando Pessoa" (2008) de Gonçalves e Silva, Maria Raquel et al. - Universidade Fernando Pessoa & Porto [19]
- “Obesidade em Portugal e no Mundo” (2009) de do Carmo, Isabel - Universidade de Lisboa; Isabel & Abbot LabsIsabel & Abbot Labs [20]
- "GWAS of Quantitatively Measured Skin, Hair, and Eye Pigmentation" (2012) de Candille I, Sophie et al. - Stanford University @ PLoS ONE [21]

*** ***
------------------

------------------

Este blogue preocupa-se em explorar a Antropologia física dos Portugueses. Ou seja, a etnia dos Portugueses inerentes a Portugal.

 PortuguesePhenotype reserva o direito individual ás figuras públicas aqui expressas de retirar as suas fotos, assim solicitadas.

SEO Tags: Portuguese, Portuguese people, Portuguese person, Ethnic Portuguese people, Native Portuguese people, Portuguese People physical characteristics, What is a Portuguese?, How do Portuguese people look like?, What race are Portuguese people?, Portuguese race, Race of the Portuguese, People of Portugal, Typical Portuguese, The Phenotype of the Portuguese people, Portuguese Phenotype, Portuguese person, Portuguese faces, Portugal's population characteristics, Portuguese skin color, Pigmentation, Portuguese men, Portuguese women, Portuguese, Madeirans, Azoreans, Iberia, Iberians, Europe, Europeans, Famous Portuguese people, Photos of Portuguese people, Images of Portuguese people, Google Images, Portuguese DNA, Physical anthropology of the Portuguese, Portuguese physical anthropology, Portuguese anthropology, Portuguese archaeology. Portugese mense, njerëzit portugalisht, portugiesen menschen, الشعب البرتغالي, պորտուգալերեն մարդ, portuguese nəfər, Portugaleko pertsonen, পর্তুগিজ মানুষ, партугальская народ, Portugalski ljudi, португалските хора, ಪೋರ್ಚುಗೀಸ್ ಜನರು, els portuguesos, Portuges nga mga tawo, portugalské lidí, 葡萄牙人民, 포르투갈어 사람들, moun Pòtigè, Portugalski ljudi, portugisiske folk, portugalskej ľudí, los portugueses, Portugala homoj, Portugali inimesed, Portuges tao, Portugalilaiset, Les Portugais, portugueses, pobl Portiwgaleg, Portuguese ადამიანი, Πορτογάλοι, પોર્ટુગીઝ લોકો, אנשים פורטוגזית, पुर्तगाली लोग, Portuguese neeg, Portugezen, portugál emberek, פּאָרטוגעזיש מענטשן, orang Portugis, Portuguese people, daoine Portaingéilis, portúgalskir fólk, I portoghesi, ポルトガル人, portuguese wong, មនុស្សព័រទុយហ្គាល់, ປະຊາຊົນປອກຕຸຍການ, generosum Lusitaniae populum, Portugāles cilvēki, Portugalijos žmonės, Португалски луѓе, orang Portugis, nies Portugiż, पोर्तुगीज लोक, portugisiske folket, مردم پرتغالی, Portugalczycy, portugueses, oameni portugheză, португальский народ, Португалски људи, watu Kireno, portugiser, คนโปรตุเกส, போர்த்துகீசியம் மக்கள், పోర్చుగీసు ప్రజలు, Portekiz halkı, Португальська народ, پرتگالی لوگوں, người Bồ Đào Nha

5 comments:

  1. PODE IR EMBORA.......... NÃO O QUEREMOS MAGOAR!!!!

    ReplyDelete
  2. Excelente página!! Os meus agradecimentos :)

    ReplyDelete
  3. I enjoy telling the World the TRUTH about Portugal's state of reality: The Biggest Global Economic Collapse in History! Everybody is leaving Portugal to live in former Third World Colonies in order to eat. Our Racist/Xenophobic way of life we enjoyed for centuries has come back to bite us bitterly. It has been downhill since we separated from Spain in 1640 and BET our futures on the Pirate thieving British who only looked out for themselves and left us in the Cold. And, the proof is Britain just left Europe to look out for themselves yet AGAIN! We Portuguese are VERY Stupid people that NEVER learn from our Ignorant ways!!

    FOR MORE INFORMATION VISIT:
    https://portugalisxenophobic.neocities.org/

    D)

    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    Portugal é um grande cagavam sobre um pau e um povo com palhacos xenophobos, racistas e muito mais!!!

    Pa mais imformaciones visitem:

    https://portugalisxenophobic.neocities.org/


    **PORTUGAL IS A HIGHLY RACIST AND XENOPHOBIC COUNTRY!**

    **DO NOT SPEND YOUR HARD, EARNED MONEY VISITING THERE,
    OR DOING BUSINESS WITH PORTUGAL!!!**

    *****PORTUGAL = RACISM 100%*****

    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ReplyDelete
    Replies
    1. Acho que te falta uma bela rola no cú, seu cachorro de rua babento! Fale por sí toda esta bobagem que sai desta boca banguela e fétida!
      De onde quer que seja a profundeza que saistes, volte para o retorcido da terra e não saia mais de lá com o propósito de envenenar os que habitam aqui em cima onde há luz.

      DESCULPEM A FALTA DE CONTORNOS, MAS ESTE É O TÍPICO SUJEITO ATREVIDO QUE MERECE UMA RESPOSTA QUE LHE COLOQUE NO DEVIDO LUGAR.

      Delete